fbpx

Isolamento Absoluto Modificado

colteneadm




Todos nós concordamos que o controle da umidade durante o processo de adesão em odontologia é de fundamental importância para que se tenha longevidade do trabalho realizado e Consequentemente sucesso clínico.

Estudos apontam que, durante o processo cimentação com cimento resinoso, em que há presença de saliva no esmalte dentário, este é relevantemente comprometido.

A utilização do Isolamento Absoluto Modificado mantém o campo operatório limpo e seco, evita o contato do material restaurador com o lençol de borracha ou quando necessita visualizar proximidade de restaurações com as papilas, (quando necessário), previne a aspiração e deglutição de objetos pelo paciente, além de melhorar a visualização ao operador. Mas engana-se quem pensa que isolar é apenas instalar um lençol de borracha. É preciso ter técnica e atenção. A escolha de um lençol de borracha de qualidade, que tenha boa resistência e flexibilidade, é indispensável. O lençol Dental Dam da Coltene tem uma espessura média, que favorece essa técnica, além de várias cores para um melhor contraste.

Abaixo , vou dar a dica do passo a passo do Isolamento Absoluto Modificado, indicado quando as condições bucais e/ou sistêmicas do paciente favorecem o uso da técnica:

 
Primeiro, fixamos o lençol de borracha no arco de Yong; em seguida fazemos a marcação de três pontos, na parte superior-central, em forma de triângulo com a base voltada para baixo.
Perfuramos as marcações com Perfurador Ainsworth.
Utilizando um tesoura reta, unimos os tês pontos marcados.
Com a pinça Palmer levamos os grampos em posição.
Adaptamos o conjunto lençol de borracha/arco aos grampos em boca, e evertemos o lençol no lábio superior.
 

Essa técnica tem se mostrado efetiva, contribuindo positivamente para a Odontologia restauradora, pois, além de possuir as vantagens do Isolamento Absoluto convencional, ela é mais prática e fácil de ser executada.

Por Dr. Wally Reis


Categorias
Arquivo